Pesquisar este blog

segunda-feira, 5 de maio de 2014

Reflexões de Bert Hellinger





"O movimento em direção à mãe, esse movimento a ela, que realmente chega até o final, é uma conquista... É um movimento e entrega total a ela, tal como ela é, exatamente como é. Apenas uma coisa é importante: ela se tornou nossa mãe. Não pode existir algo maior e mais maravilhoso, para ela e para nós".
                                   

"A bênção vem de cima para baixo, isto é, dos pais em direção aos seus filhos, dos mais velhos aos mais jovens ou de alguém que está sintonizado com 'algo maior' e mais alto que nós. Quando os pais abençoam seus filhos eles se conectam profundamente com o fluxo da vida e o transmitem. A bênção é algo sagrado, que é antigo e transmitido de gerações em gerações".

"Não há um modelo a ser seguido para alcançar a felicidade. Existe a felicidade das crianças, que brincam esquecidas de si mesmas, ou dos apaixonados. Tudo isso é muito bonito. Mas, nesse sentido, realização não é felicidade. É estar em harmonia com a grandeza, mas também com o sofrimento e com a morte. Isso possibilita um reconhecimento profundo, dá peso e serenidade. É algo bem tranqüilo. É a felicidade como conquista. E não tem a ver com ficar esquecido. Tem a ver com a força interior". 

"Apenas um coração que é grato, aprende!"



 "No hay nada que sobrepase a la madre. La conexión con ella es la base de todo éxito en la vida."

 "Si se pone por encima del origen de su vida, entonces, ¿cómo puede tener éxito en su vida, si no reconoce el origen?"

 "El amor a todo se manifiesta en algo muy sencillo. En que nosotros miramos a todos y les damos un lugar en nuestro corazón."



“Si deve accettare la realta per quello che e, senza rammarico, senza desiderare che sai diversa. In questo modo anche gli avvenimenti piu terribili si transformano in pace e forza” 


"La voce del cuore e molto silenziosa e molto sottile. La você della mente e molto rumorosa: continua a gridare cose. Il cuore sussurra. La mente urla."




" Als tiefste Liebe wird erlebt, wenn jemand so, wie er ist, anerkannt wird, und zwar als notwendig so. (...) So ist er richtig."

" Größe kommt nicht aus dem Verkleinern der anderen, sondern aus dem In-Sich-Ruhen, das auch andere anerkennen kann."

 “Woran sehen sie, was hilft?” - Hellinger: “Am Gesichtsausdruck. Sobald die Lösung da ist, hibt es ein Leuchten in den Gesichtern, …”

" Alle, die sich für besser halten, sind für mich verdächtig. Das gilt auch für Bewegungen."

"Wut entsteht dort, wo ich angegriffen werde. Diese Wut gibt mir die Kraft zur Gegenwehr und ist daher gut. Sie macht mich fähig zum Handeln."



Frases, Pensamentos, Reflexões de autoria de Bert Hellinger 


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário